O cantor americano, Eminem, lançou, dia 17 de janeiro, sem nenhum aviso prévio, o seu 11º álbum, com o nome “Music to be Murdered by“. Não só conquistou o primeiro lugar no top 200 chart da Billboard, como já está disponível na maioria das plataformas de streaming.




“Music to be murdered by” via Genius

 

“Music to be Murdered by” foi inspirado, tanto o nome como a capa, no álbum de Jeff Alexander, lançado em 1958, sob o nome de “Alfred Hitchcock Presents Music To Be Murdered By”. É particularmente notório numa das 20 faixas do álbum de Eminem, que se chama, justamente, “Alfred-Interlude”. Além disso, contém colaborações de luxo, como Ed Sheeran (Those kind nigths), Anderson Paak (Lock it up) e Juice Wrld (Godzilla), que morreu em dezembro de 2019.

 

 

Como qualquer outro álbum do rapper, “Music to be Murdered by” não poderia deixar de trazer alguma polémica, sendo que a faixa “Unaccommodating”, com colaboração do Young M.A, faz referência ao ataque terrorista ocorrido durante um dos concertos de Ariana Grande, em Manchester, em 2017, onde morreram mais de 20 pessoas. Fãs da cantora fizeram um tumulto nas redes sociais, afirmando que a letra está incorreta. Porém, o cantor lançou um comunicado, no seu instagram, sobre o novo álbum e as suas músicas: “No maravilhoso mundo de hoje, o assassinato tem se tornado tão habitual que somos uma sociedade obcecada e fascinada por ele. Pensei porque não ridicularizá-lo e assassinar através de batidas.”.

 

 

O novo álbum chega às plataformas da mesma forma que o anterior, “Kamikaze”, lançado em 2018, e já foi ouvido mais de 218 milhões de vezes, de acordo com o sistema de rastreamento Nielsen SoundScan. Torna-se o 10º álbum do rapper a atingir o topo na Billboard, colocando Eminem na mesma categoria dos The Beatles, Jay-Z, Bruce Springsteen, Barbra Streisand e Elvis Presley.

 




 

Imagem de destaque: Eminem, Facebook




Adicionado por

Marianna Miquilito

PARTILHAR

  1. Vitor

    3 Fevereiro, 2020 at 21:28

    Lançou a braba, como sempre.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *